.

.

.

.

.

.
Loading...

Mulher morre com suspeita de H1N1 na PB; Saúde investiga 11 casos da doença



Hospital de Trauma de Campina Grande
Hospital de Trauma de Campina Grande

Ela estava internada no Hospital de Trauma de Campina Grande com suspeita da gripe, na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) desde o dia 12 de março, mas não respondeu ao tratamento

Uma paraibana de 55 anos pode ter morrido com a gripe do tipo Influenza A, provocada pelo vírus H1N1. Ela morava em Puxinanã, na Região Metropolitana de Campina Grande, e morreu na madrugada da quinta-feira (31).


Ela estava internada no Hospital de Trauma de Campina Grande com suspeita da gripe, na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) desde o dia 12 de março, mas não respondeu ao tratamento. Nessa sexta (1º), mais uma mulher foi internada no Hospital Geral de Queimadas com suspeita da doença, segundo a 3ª Gerência Regional de Saúde.


“Rapidamente o quadro evoluiu para grave apresentando muita tosse e desconforto respiratório intenso. Com isso, os médicos decidiram intubá-la. Com o agravamento dos sintomas ela acabou morrendo”, explicou o diretor do Trauma, Geraldo Antonio de Medeiros.


A gerente da Regional de Saúde, Tatiana Medeiros,disse que são sete casos acompanhados. “O último ocorreu na tarde de ontem, quando a nossa equipe foi chamada para colher material para exame em uma paciente com sintomas da gripe”.


A Secretaria de Saúde do Estado informou que a gripe H1N1 não é uma doença de notificação compulsória. Atualmente, é feito o monitoramento da circulação viral no Estado e o acompanhamento somente dos casos graves.


H1N1 na Paraíba:


- 11 suspeitos


- 7 casos confirmados

- 5 em João Pessoa


- 1 Campina Grande


- 1 Soledade



Portal Correio 

0 comentários Em:Mulher morre com suspeita de H1N1 na PB; Saúde investiga 11 casos da doença

Faça seu Comentario!

Ultimas Notícias

Comentarios

Entretenimentos