.

.

.

.

.

.
Loading...

Empreendedor usa tecnologia sustentável para produzir gás de cozinha em Riacho dos Cavalos

Uma Tecnologia sustentável, que transforma o esterco de boi em gás metano está mudando a rotina do empreendedor o senhor Francisco Rodrigues de Sousa mais conhecido por galego de Severino, residente na comunidade Caatinga dos Andrades, na zona rural da Cidade de Riacho dos Cavalos, no sertão paraibano. O gás produzido no processo de fermentação do dejeto é utilizado para o aquecimento do fogão do sertanejo.

A ideia partiu do Professor Doutor em Física, Sr. Raimundo Pereira de Farias (Vovô) vinculado ao Centro de Ciências Humanas e Agrárias (CCHA) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), Campus de Catolé do Rocha, a tecnologia, chamado de biodigestor, que além de trazer benefícios ecológicos, ainda gera economia para o sertanejo. “É uma técnica muito simples que usa esterco de animais para a formação de gás, em sua maioria o metano, que é usado no fogão de cozinha”, O biodigestor consiste em um reservatório onde se depositam o esterco bovino e misturam com água. 

Em seguida, o material vai para uma caixa maior e fechada, que concentra o gás produzido pelo esterco. De lá o gás vai direto para o fogão. O material que sobra do processo ainda gera adubo.

O biodigestor implantado na propriedade de Galego de Severino é do tipo Indiano.



Resultado de imagem para modelo de biodigestor indiano
O biogás é um gás subproduto da fermentação anaeróbia da matéria orgânica. Esse Gás é combustível renovável e de queima limpa, composto
majoritariamente de metano. Ele é Usado como combustível, constituindo-se em uma fonte alternativa de energia. O seu poder Calorífico é de 5.000 a 7.000 kcal/m³.

O consumo normal de uma casa de 5 pessoas são necessários 2m³ de gás, que na pratica utiliza 10 kg de esterco bovino a 25 litros de água. Atualmente o empreendedor produz o dobro, pois o gás produzido é abastece seu fogão e da casa de sua mãe, que mora vizinho. Segundo Galego de Severino, está muito satisfeito com nova pratica, pois terá uma economia significante do botijão de 13 kg. "Todo agricultor que cria vacas pode implantar seu biodigestor na  sua propriedade com custo benefício baixo, em media R$1,300,00 para uma residência. Esse é primeiro Biodigestor implantado no Município de Riacho do Cavalos, que servirá como modelo para os agricultores da região", enfatizou.

O Senhor Francisco Rodrigues de Sousa, que atualmente dispõe de uma fonte de água purificada e fábrica de poltronas, na comunidade um empreendedor que acredita nos seus sonhos, em breve irá montar uma estufa para produção de alface hidropônico, sendo adubados com biofertilizantes resultados do seu biodigestor.

Portal Riacho em Foco Texto: Francisco Carlos silva Franca.




0 comentários Em:Empreendedor usa tecnologia sustentável para produzir gás de cozinha em Riacho dos Cavalos

Faça seu Comentario!

Ultimas Notícias

Comentarios

Entretenimentos