.

.

.

.

.

.
Loading...

Diante da possibilidade de reativação da Fazenda EMEPA em Riacho dos Cavalos, posseiros do Mutirão 02 lutam para se manter no local

Posseiros se reuniram em Riacho dos Cavalos

Depois de 12 anos desativada e hoje ocupada por posseiros do Mutirão 02, a Fazenda EMEPA de Riacho dos Cavalos, que margeia o Açude Público José Américo de Almeida, pode voltar a ser ativada pelo Governo do Estado. Diante dessa possibilidade, os agricultores que ocupam a área realizaram uma reunião de urgência na tarde desta segunda-feira (01 de maio) para discutir o assunto.

O encontro aconteceu no sítio Mutirão, por volta das 15h00, e foi coordenado pelo presidente da Associação dos Posseiros do Mutirão 02 de Riacho dos Cavalos, Raimundo Vaz Carneiro (Raimundinho).

A reunião contou com a presença dos representantes de 52 famílias de posseiros, prefeito de Riacho dos Cavalos, Joaquim Hugo, deputado estadual Galego Souza (PP), presidente da Câmara Municipal Avany José de Sousa, vereadores Josenilton Vieira, Waldemar Campos, Gildásio José, Cláudio Suassuna e Pedrinho da Barra, além do secretário municipal de agricultura, Pedro Caetano e o representante do Sindicato dos Trabalhadores Rurais José Vieira Júnior.

 

O presidente da Associação dos Posseiros Raimundinho colocou o assunto em pauta e trouxe a tona a preocupação de todos, diante da possibilidade de perder as terras hoje ocupadas, o que viria a trazer inúmeros prejuízos, desemprego e caos na já combalida agricultura de subsistência do município.

 

“Não podemos perde tudo assim, foram 12 anos de muito suor e trabalho, e essas terras que estavam abandonas e sem produtividades, hoje estão sendo ocupadas por trabalhadores rurais que deram a vida por esse pedaço de chão, melhorando e fomentando a agricultura e a pecuária deste município”, disse Raimundinho.

 

O prefeito Joaquim Hugo se mostrou muito preocupado e fez um apelo ao deputado galego Souza que interceda junto ao Governo do Estado para uma saída pacífica e que não venha prejudicar aos agricultores que cultivam as terras para tirar dela o sustento de suas famílias.

 

O deputado Galego Sousa assumiu o compromisso de ainda nesta terça-feira (02), procurar o presidente da Emepa, para levar o problema ao conhecimento do governador Ricardo Coutinho, e juntos buscar uma solução viável para o problema, afim de não prejudicar as 52 famílias que hoje ocupam a área que pertencia a antiga fazenda experimental do estado.

Algumas das atividades agrículas desenvolvidas pelos posseiros ao longo dos últimos anos:








 

CATOLÉ NEWS / Por Humberto Vital
Fotos: Francisco do Cajueiro

0 comentários Em:Diante da possibilidade de reativação da Fazenda EMEPA em Riacho dos Cavalos, posseiros do Mutirão 02 lutam para se manter no local

Faça seu Comentario!

Ultimas Notícias

Comentarios

Entretenimentos