15°C 24°C
São Paulo, SP
Publicidade

Senador Efraim Filho é acusado por ex-procuradora de receber R$ 2 milhões em propina

Veja

14/06/2024 às 18h21
Por: EDCARLOS CARDOSO DA SILVA
Compartilhe:
Senador Efraim Filho é acusado por ex-procuradora de receber R$ 2 milhões em propina


Publicado em 13 Jun, 2024 às 22h26
Operação Livro Aberto, deflagrada pela Polícia Federal na última terça-feira, apura esquema milionário que beneficiou políticos na Paraíba. STJ expediu 12 mandados de busca e apreensão. Investigação iniciou a partir de delação premiada de ex-procuradora, que cita Efraim Filho pelo recebimento de R$ 2 milhões

A Operação Livro Aberto, deflagrada pela Polícia Federal na última terça-feira (11), investiga desvios milionários ocorridos em contratos firmados pela Secretaria de Educação do Estado da Paraíba.

O Superior Tribunal de Justiça expediu 12 mandados de busca e apreensão. Entre os investigados estão o conselheiro do Tribunal de Contas do Estado, Arthur Cunha Lima (Arthurzinho), e os deputados estaduais Lindolfo Pires, Branco Mendes, Tião Gomes e Edmilson Soares.

As investigações iniciaram a partir da delação premiada da ex-procuradora-geral do Estado da Paraíba, Livânia Farias, na Operação Calvário. Segundo matéria do Estadãode 07/01/2020, além dos seis deputados estaduais, Livânia citou repasse de R$ 4 milhões, em espécie, ao ex-governador Ricardo Coutinho.

A ex-procuradora delatou também o atual senador Efraim Filho (União Brasil), à época deputado federal, que teria recebido R$ 2 milhões para apoiar a reeleição do então governador Ricardo Coutinho.

Livânia Farias não parou em Efraim Filho. Ela também mencionou Nabor Wanderley, hoje prefeito de Patos e deputado estadual à época, e seu filho, Hugo Motta, deputado federal pelo Republicanos.

Segundo o Estadão, “Em outro anexo, Livânia cita um suposto acordo envolvendo pagamentos de R$ 1 milhão a fornecedores em contratos da extinta Empresa Paraibana de Serviços Agrícolas (Empasa) a fornecedores, que teria envolvido tratativas com o deputado federal Hugo Motta (Republicanos) e seu pai, o deputado estadual Nabor Wanderley”.

Estranhamente, nem Efraim Filho, nem Hugo Motta, nem Nabor Wanderley foram incluídos entre os investigados da Operação Livro Aberto iniciada na última terça-feira.

Paraíba online 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Riacho dos Cavalos - PB
Sobre o município
Riacho dos Cavalos é um município brasileiro no estado da Paraíba. Estima-se uma população de 9 646 em 2018. Sendo a população urbana 6 206 e rural 3 440 habitantes. O município está localizado na Região Geográfica Imediata de Catolé do Rocha-São Bento.
Ver notícias
São Paulo, SP
15°
Tempo limpo

Mín. 15° Máx. 24°

15° Sensação
1.54km/h Vento
89% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
06h47 Nascer do sol
05h38 Pôr do sol
Sex 24° 15°
Sáb 23° 14°
Dom 24° 15°
Seg 24° 13°
Ter 26° 15°
Atualizado às 05h16
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,49 +0,04%
Euro
R$ 6,00 +0,05%
Peso Argentino
R$ 0,01 +0,80%
Bitcoin
R$ 376,987,94 +0,99%
Ibovespa
129,450,32 pts 0.26%
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Lenium - Criar site de notícias