Terça, 09 de Março de 2021 01:00
(83)99637-2411
Brasil Confira agora

Quinze pacientes com Covid são transferidos de Manaus para João Pessoa neste domingo

Para chegar à capital paraibana, o voo deve passar antes em São Luís, no Maranhão, para abastecer. A previsão é que toda a viagem dure, em média, 5h.

17/01/2021 21h09 Atualizada há 2 meses
Por: Redação Fonte: G1
Quinze pacientes com Covid são transferidos de Manaus para João Pessoa neste domingo

Desde a sexta-feira (15), 62 pessoas já foram encaminhadas para Teresina, São Luís e Brasília. Governo do Amazonas espera transferir até 235 nos próximos dias.

Mais 15 pacientes com Covid-19, que estavam internados em hospitais de Manaus, foram transferidos para João Pessoa (PB) na tarde deste domingo (17). A Paraíba é o terceiro estado, além do Distrito Federal, a receber os doentes após a falta de oxigênio nos principais hospitais da capital amazonense.

Com o embarque deste domingo, o número total de pessoas transferidas para outros estados chega a 62. Foram enviados 9 pacientes a Teresina, 23 pacientes a São Luís e 15 para Brasília. A previsão do governo é enviar 235 pessoas.

De acordo com a Força Aérea Brasileira (FAB), o avião que tem capacidade para 45 passageiros, foi readaptado para receber os 15 pacientes, incluindo todo um suporte de oxigênio. Sete técnicos da área da saúde devem acompanhar o grupo.

Para chegar à capital paraibana, o voo deve passar antes em São Luís, no Maranhão, para abastecer. A previsão é que toda a viagem dure, em média, 5h.

Os pacientes chegaram em 13 ambulâncias, escoltadas pela polícia militar. Ao entrarem no Aeroporto Ponta Pelada, eles passaram por uma triagem para saber se estavam estabilizados para seguir viagem.

Mais tarde, ainda neste domingo, outros pacientes seguem para Natal, no Rio Grande do Norte. Inicialmente, mais 15 pacientes embarcam para a capital capixaba, porém tudo dependerá do estado dos pacientes durante a triagem, realizada momentos antes do embarque.

Crise de Oxigênio

O governo do Amazonas publicou no diário oficial do estado, a prorrogação do decreto que suspende as atividades econômicas não-essenciais até o dia 31 de janeiro. O total de mortes no estado é de 6.123. O número de infectados desde o começo da pandemia é de 229.367.

O estado enfrenta colapso no sistema de saúde por falta de oxigênio em hospitais de Manaus, que estão lotados por conta do aumento recorde de internações por Covid. Com o caos na Saúde, pacientes começaram a ser levados a outros estados.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias