Terça, 09 de Março de 2021 01:19
(83)99637-2411
Paraíba Veja essa matéria

Vídeo: senador comete gafe ao vivo e “dá dedo” a colega que está na UTI

Ney Suassuna (Republicanos) negou ter cometido a grosseria e disse que estava apenas "gesticulando com a mão direita"

21/01/2021 03h38
Por: Redação Fonte: Metrópoles
Vídeo: senador comete gafe ao vivo e “dá dedo” a colega que está na UTI

O senador Ney Suassuna (Republicanos), primeiro suplente de Veneziano Vital do Rêgo (MDB), cometeu uma gafe durante entrevista, nesta quarta-feira (20/1), à TV Correio, da Paraíba.

Durante a conversa, o parlamentar comentava o estado de saúde de José Maranhão (MDB), colega que está internado na unidade de terapia intensiva (UTI), por causa da Covid-19, quando esqueceu – ao que tudo indica – que estava ao vivo. Em um gesto rápido, ele “mandou um dedo” após se solidarizar com a situação do também senador.

“Faço minhas preces para que ele se recupere, se reanime o mais rápido possível e esteja fazendo o papel dele, que é um papel que o povo paraibano delegou”, disse. Mas, em seguida, levantou ou dedo do meio para a câmera.

Ao perceber o erro, Suassuna para e esboça espanto por perceber que a entrevista continuava.

Veja o vídeo:

“Gesticulando”

Em nota, o senador negou ter “mandado dedo” para o colega que está doente. “O senador Ney Suassuna (Republicanos-PB) rechaçou com veemência que tenha mostrado o dedo da mão direita quando se referia à recuperação do estado de saúde do senador José Maranhão, diagnosticado com Covid-19, em recuperação na cidade de São Paulo”, começa o texto.

“Na verdade, o senador gesticulou com a mão direita ao reclamar da entrada de um assessor na sala onde concedia a entrevista. Qualquer outra interpretação do vídeo significa um atitude maliciosa. No mais, na mesma entrevista prestou solidariedade ao senador José Maranhão, e desejou pronto restabelecimento, além de rápido retorno ao Senado Federal. Foi o que ocorreu”, justificou.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias