Domingo, 13 de Junho de 2021 08:59
(83)99637-2411
Rio Grande do Norte NO RN

Homem mata companheira a pauladas e vai à polícia confessar crime em Parelhas-RN

A Polícia Militar informou que, durante o dia, a vítima e o suspeito estavam bebendo com outras pessoas às margens do açude do município.

07/06/2021 14h50
Por: Redação
Adriele Fernandes da Silva, de 23 anos, foi morta a pauladas em Parelhas, no interior do RN — Foto: reprodução/Inter TV Costa Branca
Adriele Fernandes da Silva, de 23 anos, foi morta a pauladas em Parelhas, no interior do RN — Foto: reprodução/Inter TV Costa Branca

Uma mulher de 23 anos foi morta a pauladas na madrugada desta segunda-feira (7) em Parelhas, na região Seridó potiguar. Após o crime, a companheiro dela se apresentou à polícia e confessou o crime.

O caso aconteceu por volta das meia-noite na rua Daniel Gomes de Oliveira, no bairro Maria Terceira, em Parelhas. A vítima foi identificada como Adriele Fernandes da Silva.

A Polícia Militar informou que, durante o dia, a vítima e o suspeito estavam bebendo com outras pessoas às margens do açude do município.

A polícia, inclusive, dispersou o grupo, já que havia uma aglomeração e o município tem toque de recolher integral aos domingos e feriados, por causa da Covid-19.

O casal estava junto havia três meses. Segundo a polícia, o homem teria matado a mulher por volta da meia-noite e, após o crime, se apresentou ao pelotão da PM e confessou o crime.

Os policiais foram até a casa e já encontraram a mulher sem vida.

O suspeito foi encaminhado à Delegacia Civil de Caicó e está preso na Penitenciária Estadual do Seridó.

O delegado de parelhas informou que o suspeito pode ser indiciado por feminicídio. Ele já tem passagem pela polícia por tráfico de drogas.

G1 RN

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias