Segunda, 18 de Janeiro de 2021 01:04
(83)99637-2411
Rio Grande do Norte Acidente

Colisão entre dois carros deixa quatro mortos na BR-304, no RN; bebê de três dias sobrevive

De acordo com a secretária de Saúde de Santana do Matos, Monica Damasceno, as vítimas estavam retornando de exames médicos na capital potiguar.

23/11/2020 04h45 Atualizada há 2 meses
Por: Redação Fonte: G1 RN
Carro acidentado era ocupado por pessoas da cidade de Santana do Matos
Carro acidentado era ocupado por pessoas da cidade de Santana do Matos

Quatro pessoas morreram após a colisão entre dois carros na BR-304, na altura do município de Caiçara do Rio dos Ventos, na região Central do Rio Grande do Norte. O acidente na noite de sábado (21) também deixou um homem e um bebê feridos.

Um dos veículos, um Onix branco, pertencia à Secretaria de Saúde do município de Santana do Matos e conduzia José Alves da Silva, José Adailton da Cunha, além de Rosania Mendes e Maria Beatriz Mendes, mãe e filha. Os quatro não resistiram.

De acordo com a secretária de Saúde de Santana do Matos, Monica Damasceno, as vítimas estavam retornando de exames médicos na capital potiguar.

A filha de Maria Beatriz, um bebê de apenas três dias de vida, foi levada para o Hospital Walfredo Gurgel, em Natal. O bebê teve fratura em cinco costelas, mas não vai precisar passar por cirurgia, segundo informações de um profissional de saúde que atua no hospital.

O motorista do veículo da secretaria de Saúde de Santana do Matos, identificado como Woden Luís Pereira da Silva, sofreu uma pancada forte na região dos pulmões e também está na internado na enfermaria do Walfredo Gurgel. Ele está consciente e o quadro de saúde é considerado estável.

A Dobló, outro carro envolvido no acidente, não teve vítimas.

Do G1/RN

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias